PROGRAMAÇÃO

DIA 21/10 | QUINTA-FEIRA

19h

Abertura com as apresentadoras Ana Negraes, Thaïs França e o curador Alex Soares.

VIDEODANÇA | CORPOETIZADO

A poesia de Hilda Hilst se faz obra manipulável em “Seis Aquarelas e Seus Poemas”. Vemos, tocamos seus versos. Assim o corpo da intérprete é convidado a poetizar-se. Se transforma em aquarela para os sentidos e sentimentos e dança, com as palavras a brotar na terra, no ar, em seu vestido.

Grupo Convidado: Soniquete Arte Flamenca | Campinas

Duração: 4’ | Classificação: Livre

ENTREVISTA | CIRCULAR A DANÇA EM E DE SÃO PAULO

A partir da grande experiência dos dois entrevistados, serão discutidas questões fundamentais da difusão de espetáculos e performances de dança produzida no estado de São Paulo e das obras de outros estados e países que circulam ou poderiam circular pelas cidades de seu litoral e interior. A partir daí, será aberta a discussão sobre possibilidades de novos circuitos de circulação da dança, a partir de modelos já conhecidos e de novos formatos.

Com: João Carlos Couto e Pedro de Freitas

Entrevistadora: Cássia Navas

Duração: 40’ | Classificação: Livre

20h

VIDEODANÇA | POESIA EM MOVIMENTO

Videodança que busca trazer um olhar poético e sensível para o gesto, o cotidiano e suas diferentes paisagens. As casas se tornam palcos individuais e o encontro a céu aberto traz consigo um respiro coletivo de esperança.

Corpo de Baile Jovem de Itanhaém

Orientação: Camila Venturelli

Duração: 12’ | Classificação: Livre

VIDEODANÇA | FENDAS ONÍRICAS

O que dançamos quando sonhamos? Fendas Oníricas é a apresentação cênica do Núcleo Corpoesia que tem como proposta adentrar as aberturas dos nossos labirintos internos, dos nossos desejos em tempos difíceis, nossos sonhos em tempos de crise. Sonhar é um voo livre nos espaços e nas brechas do corpo.

Corpoesia | Piracicaba

Orientação: Bruna Spoladore

Duração: 12’ | Classificação: Livre

VIDEODANÇA | CAXOLA

Queria ir lá fora / “É perigoso!” agora / O jeito é ficar em casa / Fazer coisas sem graça / A diversão está encaixotada / pode te colocar numa cilada / A Ó1É Cia de Dança / Te convida a uma mudança / Vamos brincar de um jeito diferente / Ainda que seja na casa da gente /Já se preparou para essa aventura?

Ò1É | Valinhos

Orientação: Irani Cippiciani

Duração: 12’ | Classificação: Livre

 

DIA 22/10 | SEXTA-FEIRA

19h

Abertura com as apresentadoras Ana Negraes, Thaïs França e o curador Alex Soares.

VIDEODANÇA | VIVACIDADE

Este videodança é inspirado no poema Cidade City Cité do poeta Augusto de Campos, tem como cenário um espaço abandonado, onde existia a indústria mais importante de Limeira, o que motivou o grupo a investigar as possibilidades de criação coreográfica utilizando os recursos do audiovisual e da arquitetura.

Convidado: Harmonia Grupo de Dança | Limeira

Duração: 5’ | Classificação: Livre

ENTREVISTA | DANÇA E MÚSICA, URDIMENTOS ESSENCIAIS

A partir da vasta experiência do entrevistado, serão indagados e discutidos temas que apontem para o protagonismo da dança e da música (ou de sua ausência) no entrelaçamento histórico e atual dos dois campos na cena contemporânea, apontando-se para possíveis urdimentos das duas artes, ou seja, para seus entrelaçamentos. Para isto, a presença (e a ausência da música), musicalidades e sonoridades de e em suas obras e performances serão abordadas, discutindo-se, ainda, aspectos e a pertinência da elaboração de uma trilha sonora original, sempre um desafio na construção do movimento, do som e seus sentidos.

Com: José Miguel Wisnik

Entrevistadora: Cássia Navas

Duração: 40’ | Classificação: Livre

CONVERSA | A EXPERIÊNCIA DO ESTÁGIO EM DANÇA NO PROGRAMA DE QUALIFICAÇÃO EM ARTES

Por meio das experiências do estágio de orientação artística em dança no formato virtual na edição de 2021, serão comentados impactos, desafios e inspirações acerca da atuação junto à grupos em formação.

Com: Maria Fernanda Nicioli e Laís Ribeiro

Mediação: Nicolli Tortorelli

Duração: 15’ | Classificação: Livre

20h

VIDEODANÇA | PRESA

PRESA foi criado a partir de múltiplos olhares sobre o cárcere feminino. O corpo preso e seus estados, um território instável e hostil, revelando os traços primitivos de convivência e sobrevivência. Reações possíveis do corpo e mente de uma vida suspensa num tempo/espaço específicos.

À Margem Coletivo de Dança | Jundiaí

Orientação: Lívia Seixas

Duração: 12’ | Classificação: Livre

VIDEODANÇA | ENSAIOS/FRAGMENTOS NO TEMPO

Inter(relações) entre partes e totalidade de corpos; que em constante exercício de presença, compõem novos contextos.

Ballare | Presidente Prudente

Orientação: Marina Salgado

Duração: 12’ | Classificação: Livre

 

DIA 23/10 | SÁBADO

18h

Abertura com as apresentadoras Ana Negraes, Thaïs França e o curador Alex Soares.

VIDEODANÇA | FÔLEGO

Videodança do Projeto Côncavo e Convexo que homenageia a vida e obra do Maestro Carlos Gomes refletindo sobre as questões do corpo negro e o paradoxo clássico-popular. Participou do International Screen Dance Festival Freiburg, na Alemanha, em 2021; do International Meeting on Video-dance and Video-performance, em Valencia-ES, em 2020; da Mostra Universitária Íbero-americana de Videodança Midiadança, no Ceará–Brasil, em 2020; e do 12º São Carlos Videodance Festival, no Brasil, em 2018.

Grupo convidado: Cia Eclipse de Dança | Campinas

Duração: 5’ | Classificação: 16 anos

ENTREVISTA | PRESENÇAS E FUTUROS: CORPOS NEGROS E FORMAÇÃO EM DANÇA

A partir da fundamental trajetória e experiência dos entrevistados e entrevistador, a mesa abordará aspectos da atualidade/futuro da formação (ensino formal e informal) de corpos negros na dança, apontando-se para a essencial e desafiadora discussão sobre pautas indentitárias que é contexto necessário e atual para este debate. Para tanto, teremos como base indagações como: O que ensinar? Como ensinar? Quais metas? Quais heranças formativas? Qual formação de mestres e professores? Quais futuros possíveis para o desvelamento deste campo e seu desenvolvimento?

Com: Milton Kennedy e Kanzelumuka

Entrevistador: Kleber Lourenço

Duração: 40’ | Classificação: Livre

VIDEODANÇA | BURACO DE MINHOCA

Videodança do Projeto Côncavo e Convexo que homenageia a vida e obra do Maestro Carlos Gomes. Esta obra artística flui no sentido de quebrar paradigmas do clássico romântico ao contemporâneo urbano.

Grupo convidado: Cia Eclipse de Dança | Campinas

Duração: 5’ | Classificação: Livre

19h

ENTREVISTA | FORA DO EIXO: CRIAR/PRODUZIR DANÇA NO INTERIOR E LITORAL DE SÃO PAULO

Como criar e inventar a dança “fora do eixo”? Como produzi-la em cidades do litoral e interior do estado? Para quais platéias? Como articular escolas de dança com companhias, grupos e coletivos? A partir destas questões será discutida a criação da dança e sustentabilidade de suas etapas de produção, num arco de temas que vai da formação de artistas até a produção da obra e performance e sua difusão frente a variadas platéias em múltiplos espaços.

Com: Jussara Miller (Campinas) e Cristina Neves (Caraguatatuba)

Entrevistadora: Ana Clara Amaral

Duração 40’ | Classificação: Livre

VIDEODANÇA | FRIDA

A coreografia FRIDA, de Arilton Assunção, foi crida em 2014 para a Cia Estável de Dança de Bauru, e se inspira na vida de Frida Kahlo, que revolucionou seu tempo com sua arte. Em 2021, FRIDA ganha uma nova versão como videodança. O roteiro foi elaborado pelo elenco a partir da obra original.

Companhia Estável de Dança de Bauru

Orientação: Samuel Kavalerski

Duração: 12’ | Classificação: Livre

VIDEODANÇA | BOROGODÓ

Borogodó é uma criação que agrega influências das manifestações tradicionais brasileiras: o encanto da nossa dança, música, brincantes e tambores unidos ao poder rítmico do sapateado. Numa fusão gostosa e de alegria contagiante traz o que aflora culturalmente de nós como povo e de modo irresistível.

Jovens de coração Tap da Longevidade | São José dos Campos

Orientação: Cibele Ribeiro

Duração: 12’ | Classificação: Livre

VIDEODANÇA | TRE

Este videodança é um manifesto corporal energético sobre infância e juventude preta periférica e sua relação com a violência, criminalidade e abandono social. Num país onde as balas perdidas acham os corpos pretos, carregamos nossas memórias do que foi e em memória dos que não puderam ser.

Funk-E | Campinas

Orientação: Eduardo Fukushima

Duração: 12’ | Classificação: Livre

 

MOSTRA DE DANÇA ON-LINE | EDIÇÃO 2021

Dias 21, 22 e 23/10 | Quinta e sexta-feira, das 19h às 21h e sábado, das 18h às 21h

Assista em Youtube e Facebook do programa Oficinas Culturais

Acessível em Libras

Audiodescrição nos vídeos de abertura

Voltar
Ícone Social Facebook Ícone Social Instagram Ícone Social Youtube

Apoio

Logo de apoiador Logo de apoiador

Realização

Logo de gestor

 

Logo de gestor Logo de gestor

Este site utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.
Consulte sobre os Cookies e a Política de Privacidade para obter mais informações.

ACEITAR