IGUAPE • 17/06

SEXTA-FEIRA

Fábrica de Cultura Iguape (Praça Engenheiro Greenhalgh, s/n, Centro Histórico)

9h às 22h
TROCA GRATUITA DE LIVROS

Espaço de troca de livros infantis, adultos e gibis. Uma oportunidade de renovar suas bibliotecas pessoais, sem custo. Para as trocas, é recomendado que os livros estejam em bom estado e não sejam didáticos ou técnicos.


9h às 22h
BIBLIOTECA DOS ABRAÇOS

A Biblioteca dos Abraços apresenta vídeos com depoimentos de professores e estudantes do Vale do Ribeira contando suas histórias com livros que os abraçaram. Afinal, todo livro é um abraço que a gente recebe, quando abrimos e quando fechamos uma obra. No local, haverá uma estante com alguns dos livros mencionados e uma lousa interativa para que o público presente indique seus livros-abraços.


10h às 11h | Oficina
DESENHO OCULTO
Equipe de Biblioteca da Fábrica de Cultura Iguape

Esta atividade propõe o exercício da capacidade de comunicação dos participantes, utilizando a dinâmica do desenho oculto. Será que depois de tanto tempo fisicamente separados, ainda conseguimos nos comunicar de forma eficiente? Como fazer o outro entender aquilo que estamos querendo dizer?

15 vagas | Inscrições no local, no dia da atividade.


10h às 17h | Curso
A ARTE DE CRIAR LEITORES: REFLEXÕES E DICAS PARA UMA MEDIAÇÃO EFICAZ
com Goimar Dantas

Reflexões, exercícios e ações para aprimorar a mediação cultural e o compartilhamento do gosto pela literatura com públicos e comunidades das bibliotecas e espaços de leitura. Quem são os mediadores de leitura e qual o seu papel no processo de formação do leitor? Como se forma e quais as funções de um mediador de leitura? Como se preparar para ser um bom mediador de leitura?

30 vagas | Inscrições até 16/6: siseb.sp.gov.br/agenda


17h às 21h
MULHERES NEGRAS NA BIBLIOTROCA: TROCA GRATUITA DE LIVROS DE AUTORAS NEGRAS

Primeira biblioteca do Brasil de troca de livros de autoras negras, o projeto conta com acervo de mais de 250 livros, entre obras de ficção-científica, ensaios, poesia, biografias e romances nacionais e internacionais. Para participar, o público deve oferecer, em troca, livros também de autoras negras.


17h às 20h | Mentoria
S.O.S. LITERATURA
com Adriano Souza, Geruza Zelnys e Ricardo Botelho

Neste pronto atendimento literário, o Centro de Apoio ao Escritor da Casa das Rosas auxilia escritores independentes e demais profissionais interessados no mercado literário. Para isso, conta com Adriano Souza, especialista em direitos autorais e de imagem, propriedade intelectual; Geruza Zelnys, que aborda processo criativo e escrita de prosa e poesia; e Ricardo Botelho, que trata de edição de livro (impresso e ebook) e marketing de escritores. Para participar, é preciso retirar uma senha no próprio local.


18h | Sarau
FLISARAU
apresentação: Bianca Gonçalves | participação especial: Coletivo Cultural de Iguape

Bianca Gonçalves, poeta e performer, comanda o FLISARAU: encontro poético com microfone aberto para todos que quiserem ler ou recitar textos, poemas ou poesias, autorais ou não autorais. As inscrições começam uma hora antes, no próprio local.


20h | Cena
“TRAGÉDIA À BRASILEIRA”
por Aly da Costa

A atriz Aly da Costa, de Iguape, interpreta trecho do livro “Dezcontos à vista e poemas com juras de amor” (Editora Inteligência, 2021), de Giovana Neves. A obra traz contos, microcontos, apólogo, crônicas e poemas, acompanhados de breves explicações sobre a elaboração de gêneros literários, objetivando incentivar os jovens à produção escrita.


20h10 | Conversa
FLI ENTREVISTA GIOVANA NEVES
Entrevistadoras: Reynaldo Damazio, Letícia de Souza Francisco (aluna da EE Clodonil Cardoso) e Emily Cristiny Alves Cardoso (aluna da EE Clodonil Cardoso)

Reynaldo Damazio convida Letícia de Souza Francisco e Emily Cristiny Alves Cardoso, alunas da Escola Estadual Clodonil Cardoso, para, juntas, entrevistarem a professora, atriz, poetisa, contista e cronista Giovana Neves, autora de “Dezcontos à vista e poemas com juras de amor” (Editora Inteligência, 2021).

60 lugares | Distribuição gratuita de ingressos 1h antes do início da atividade.
Acessível em Libras


21h20 | Espetáculo
“ORÉ”
Grupo Caixa Preta de Teatro

O espetáculo celebra o reencontro do homem com o próprio homem. “ORĖ”, que, em Tupi Guarani, significa “NÓS”, enaltece e festeja, por meio da música, da poesia e da arte do encontro, um convite ao sonho e à beleza de sermos todos um só, na pureza e fortaleza de um abraço e na inspiração que só os artistas podem oferecer.

Acessível em Libras

Voltar
Ícone Social Facebook Ícone Social Instagram Ícone Social Youtube

Realização

Regua Logos Regua Logos

Este site utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento.
Consulte sobre os Cookies e a Política de Privacidade para obter mais informações.

ACEITAR