FICHA TÉCNICA

GRUPOS | FICHA TÉCNICA POR VIDEODANÇA

VIDEODANÇA – VANS

Grupo: Corpo de Baile Arte em Movimento | Guarujá

Criado em 2017, o Corpo de Baile Arte em Movimento (Guarujá-SP) integra a Escola Arte em Movimento Ana Zucchi, e busca cultivar uma qualidade de trabalho artístico e pedagógico em dança que torne a arte acessível a mais crianças e jovens, abrindo portas do mundo artístico para quem quiser sonhar.

Ficha técnica: Direção geral: Ana Rosa Zucchi | Direção artística e coreografia: Ale Almeida e Ivone Ribeiro | Intérpretes-criadores: Amanda Rodrigues, Ana Beatriz Lourenço , Barbara Marques, Beatriz Correa, Caitlin Novais, Camilly dos Reis, Caroline Victória Nunes, Cleonil Júnior, Eloíza Assis, Ester Assunção, Gabrielly Lopes, Geovanna Nauanny, Heloísa Panta, Íris dos Reis, Isadora Panta, Isadora Paulino, Jamylle Messias , Jéssica Vieira, Larissa Carlota, Letícia Vieira, Maria Clara Moreira, Raíssa Carlota, Yasmin Kathlin, Yasmin Peres. | Captação e edição de imagens: Tarcísio Magnusson Trilha sonora: Faults, Losci l Song 2020, No8 Requiem, The Night Café, Clint Mansell, Blossoming, Chestnut Trees, Clint Mansell.

 

VIDEODANÇA – BUSHIDO – CAMINHO DO GUERREIRO

Grupo: Skills Núcleo de Dança | São José do Rio Preto

Skills Núcleo de Dança é  uma Cia de Danças Urbanas, criada em 2018, com influências em Funk Styles, Hop Hop Dance e Dança Contemporânea, para acrescentar mais para cultura local do município de São José do Rio Preto.

Ficha Técnica: Direção: Charles da Silva Cruz, Riva Martins, Fabiano Marcos | Coreografia: Charles da Silva Cruz | Dançarinos: Ana Celia Nizato, Charles da Silva Cruz, Fabiano Marcos, Gabriela Bortoli, Giovana Ovidio, Letícia Matos e Riva Martins | Dançarinos convidados:  Ana Kawata, Gerson Faria,  Keverson Santos e  Maycon Ferreira.

 

VIDEODANÇA – CLARICE EM GESTOS

Grupo: Núcleo de Dança Giracorpo | Bauru

O Núcleo de Dança Giracorpo surgiu em 2010, inicialmente para participar em eventos do gênero e assim foi buscando uma identidade própria com o estudo e pesquisas das diferentes linguagens da Dança Contemporânea. Em 2019 participou do Programa de Qualificação em Artes/Dança com o espetáculo ENGRAMAS.

Ficha Técnica: Concepção: Merene Lobato | Coreografia: Merene Lobato e Núcleo | Elenco: Beatriz Freitas, Bianca  Longhitano, Gabriella Lima, Giovana Pereira, Merene Lobato e Rhafael Mariano | Câmera e Edição: Merene Lobato e Lucia Lobato.

 

VIDEODANÇA – KUVUKA-AFRIKA FUTURIS

Grupo: Iluminação Fluida | Taubaté

Fundado em 2018, pelo bailarino e coreógrafo Suarrily de França e a também bailarina e professora Poliana Nunes, o coletivo é um dos primeiros de dança contemporânea negra do Vale do Paraíba e do Litoral Norte de SP. Tem como foco a união de artistas PRETXS para colaboração da dança e arte negra.

Ficha Técnica: Direção: Suarrily de França Santos | Assistência de Direção: Poliana Nunes | Bailarinos e Criadores: José Wellington, Luis Agust, Poliana Nunes, Suarriy de França | Musica: Dj CrisM.

 

VIDEODANÇA – REDE DE MEMÓRIAS

Grupo: Sintonia Corpo & Arte | São Sebastião

O grupo nasceu em 2005, como projeto voluntário da profª Michelle Nunes. Desde então, vem representando a cidade em Festivais de dança nacionais e conquistado diversos prêmios. Sempre com objetivo de democratizar o acesso à arte, o grupo promove eventos de fomento à Dança na região, abrindo espaço para muitos jovens talentos.

Ficha Técnica: Direção e concepção: Michelle Nunes | Elenco: Gabriel Augusto, Karla Rocha, Leticia Alves, Renata Nunes, Vitória dos Santos | Produção: U-Atelie | Assistentes de produção: Beatriz Nunes e Fabio Nunes | Participação Especial: Bruno Octaviano Lima e Sebastião Salomão (Seu Tião).

 

VIDEODANÇA – INVISÍVEL AOS OLHOS

Grupo: Ó1É Cia de Dança | Valinhos

A Ó1É Cia de Dança foi fundada em 2005 pela diretora e coreógrafa Marol Andrade. Criou em 2019 seu primeiro trabalho de repertório, sEUss, junto com o Programa de Qualificação em Artes – Dança do Estado de São Paulo, trabalho que foi comtemplado pelo Edital Arte como Respiro do Itaú Cultural-2020.

Ficha Técnica: Direção e coreografia: Marol Andrade | Intérpretes – Criadores: Ana Cláudia Alves Martins, Cécile Lelu, Flávio Calefi, Francielle Fernandes, Jéssica Ostaneli, Julia Galvão, Lívia Porto, Nandara Davoli, Priscila Ribeiro, Yasmin Almeida | Trilha sonora: Tricoma | Filmagem: Ó1É Cia de Dança e Lúmen Studio | Edição e direção de fotografia: Lúmen Studio.

 

VIDEODANÇA – TIM TIM

Grupo: Oficinas Permanentes de Danças Urbanas da Secretaria Municipal de Cultura de Ourinhos.

Grupo é um projeto da Secretaria de Cultura de Ourinhos com a fusão do grupo Cia de Danças Urbanas de Ourinhos e alunos das Oficinas. Grupo participa de festivais e eventos em todo o estado de São Paulo e tem em seu repertório o Hip Hop Dance, Old School, bases de Locking,Wacking e dança contemporânea.

Ficha Técnica: Direção: Alexandre Cardoso | Coreografia: Ronaldo Borges, Jonathan Rosa, Junio Henrique, Dudu e Xandao | Elenco: Alexandre Cardoso, Jeferson Eduardo, Ronaldo Borges, Jhonatan Rosa, Junio Henrique, Gabriela Inácio, Nathan Lima, Brenda Thomaz, Victoria Nogueira, Thiago Oliveira, Igor Andrade, Laura Lais, Guilherme Poma, Felipe Campos, Ludmilla Rocha, Ingrid Beatriz | Filmagem: Guilherme Oliveira | Edição: Guilherme Oliveira e Junio Henrique | Figurino: Guilherme Poma | Apoio: Secretaria de Cultura de Ourinhos.

 

VIDEODANÇAJANELAS

Grupo: Cia Corporarte | São Bernardo do Campo

A Cia Corporarte é um grupo diverso com dançarines, atrizes e atores.  Atuando em São Bernardo do Campo desde 2017, surge a partir de aulas de dança contemporânea, quando um grupo de estudantes da linguagem decide se reunir para pesquisar modos de se mover unindo dança e teatro.

Ficha Técnica: Direção coreográfica: Paloma Natacia | Figurino: Cia Corporarte | Trilha sonora: Daniel Agabitti | Intérpretes/criadores: Fernanda de Sousa Coelho Ruy, Ana Caroline Santos do Nascimento, Victor Mendes Santos, Jenifer Cardoso Klingel, Pedro Paulo Rosetti Fontana.

 

VIDEODANÇA – BEM VINDO AO BAILIM

Grupo: Manxs | Rio Claro

Manxs é um grupo de arte Drag Queen que atua com performances musicais cômicas (dança, teatro e canto) sobre a influência do estilo Rock, com o objetivo de fazer da arte, um o ponto de partida e ferramenta para visibilidade e empoderamento da comunidade LGBT.

Ficha Técnica: Roteiro e Direção: Manxs | Edição: LuisAfF | Produção: Manxs; Leandro Malazarte | Fotografia: Paula Caldas | Apoio: Nathalia Machado; Cia Passarinhar; A’morasDance; Wangora | Trilha Sonora: DJ Chassi | Coorientadora: Eduarda Kona Zion.

 

MINIDOC “B.XU – UMA ENCRUZILHADA EM NÓS”

Grupo: Funk-E | Campinas

Funk-E trabalha com as linguagens das Danças Urbanas, focado em pesquisas e estudos nos processos criativos para espetáculos e cenas. Participou em 2018 e 2019 do Programa de Qualificação em Artes/ Dança que resultaram nos espetáculos “KINIMA” e “B.XU”.

Ficha Técnica: Intérpretes-criadores: Carla Ramos, Jhany Grecia, Maicon Douglas, Pedro Guilherme, Vitória Gomes, Victor Sartori. | Direção e figurino (espetáculo): Gi Sartori | Orientação: Kleber Lourenço | Filmmaker e Edição: Gabriel Monteiro | Fotógrafo: Gabriel Cavassam.

 

VIDEODANÇAÀ DERIVA EM TEMPOS REMOTOS

Grupo: Cia de Dança Rit’s | Tatuí

Grupo artístico, formado por bailarinos do interior do Estado de São Paulo, que atua há mais de dez anos no universo da arte contemporânea. Sua dança traz urgência, riscos e desafios. De 2015 a 2020 participa do Qualificação em Artes – Dança, da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.

Ficha Técnica: Direção: Anelissa Fructuoso | Intérpretes: Amanda Godinho, André Kaires, Anelissa Fructuoso, Gabriela Almeida e Vivian Rodrigues | Produção: Monica Aranha | Música: Bach – Goldberg | Iluminação: Renan Benavides | Edição: Thiago Leite.

 

VIDEODANÇAFLAMENCOBIO

Grupo: Soniquete Arte Flamenca | Campinas

O Soniquete executa há 16 anos um trabalho sério e consistente. Tendo iniciado seus estudos com Lú García, o grupo teve como professores Verena Menichelli, Cíntia Ruela e Cylla Alonso, entre outros; e conta com a direção artística e coreográfica de Mariana Abreu. Desde então, tem criado espetáculos tanto com produção própria quanto via leis de incentivo, tendo sido contemplado com o ProAC Edital em 2018 e o Qualificação em Artes 2019-2020.

Ficha Técnica: Direção: Mariana Abreu | Elenco: Carla Abrahão, Clarita Sosa, Mariana Abreu e Priscila Nery | Audiovisual: Vitor Damiani.

 

PARTICIPANTES DAS LIVES

Ana Clara Amaral é Bacharel e licenciada em Dança (2002) e Doutora em Artes da Cena pela UNICAMP (2014). Recebeu o Prêmio Funarte Klauss Vianna 2013 pelo qual concebeu o espetáculo de dança “Después” – contemplado no edital PROAC Circulação de espetáculos de Dança 2015. Participou do espetáculo “Fuga!” (2007) – Prêmio Funarte Myrian Muniz do mesmo ano.

Andrea Thomioka é Técnica Artística-Pedagógica do Programa de Qualificação em Artes – Dança. Bailarina e professora, atuou como Curadora de Dança da Secretaria Municipal de Cultura (SP). Integrou o elenco do Balé da Cidade de São Paulo (2000 – 2008), a Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo, em Lisboa (1998 – 2000). Trabalha na formatação do upgrade.BR – um método brasileiro de ensino de Dança Clássica.

Beatriz Cerbino é professora da Universidade Federal Fluminense/UFF, nos cursos de graduação de Produção Cultural e no Programa de Pós-Graduação em Estudos Contemporâneos das Artes – PPGCA. É pesquisadora do INCT Proprietas, colaboradora da Rede Iberoamericana de Videodanza – REDIV e do projeto Technologically Expanded Performance – TEPe (Universidade de Lisboa e Universidade Federal do Ceará). Atua na área dos estudos da dança, em especial com os temas história e crítica da dança, autoria, dramaturgia e videodança.

Boogaloo Begins é artista docente e arte educador. Iniciou sua pesquisa e prática nas Danças Urbanas em 2003. Integrou o grupo Ritmos B.A.S.E.. Integra o Chemical Funk desde 2006, destaca-se no Brasil participando de espetáculos e individualmente em oficinas e batalhas. Fez parte da equipe de arte educadores do Fabricas de Cultura (2012 à 2017). Formado na FPA (2013 à 2015), tendo sua pesquisa na diáspora e danças negras o que gerou seu solo “Sentir Na Pele”.

Cassi Abranches nascida em São Paulo, vive e trabalha em Belo Horizonte. Iniciou os estudos na Escola Municipal de Bailados. Atuou na Raça Cia de Dança (SP), o Balé do Teatro Castro Alves (BA) e o Balé do Teatro Guaíra (PR). Foram 12 anos de dedicação ao Grupo Corpo como bailarina. Neste período, ela já flertava com a coreografia. Paralelamente ao trabalho com a companhia brasileira mais prestigiada internacionalmente, Cassi Abranches aceitou o desafio de criar para o Ballet Jovem do Palácio das Artes, a partir de sete canções dos Beatles, o espetáculo “Contracapa”, em 2009. Imediatamente, veio reconhecimento de mais uma faceta talentosa da artista. Quando resolveu pendurar as sapatilhas em 2013, convites de peso resultaram em trabalhos como “Ariana”, para a Cia Jovem Bolshoi Brasil, e “Rio Eu Te Amo”, filme que estreou em setembro de 2014 e reúne dez curtas, entre os quais “Pas de Deux”, de Carlos Saldanha, cujos personagens foram coreografados por ela. Coreografou também “Gen” para a São Paulo Companhia de Dança, com trilha sonora de Marcelo Jeneci; “Plano” para a Cia Sesc de Dança, com trilha sonora da banda Dibigode e “Suíte Branca” para o Grupo Corpo, com trilha sonora de Samuel Rosa. Em 2016, assinou a Direção Coreográfica e de Movimento da Abertura dos Jogos Paralímpicos RIO 2016. Em 2019, criou para a São Paulo Cia de Dança o espetáculo “Agora”, com trilha sonora composta por Sebastian Piracés, criação vencedora do prêmio APCA 2019 de melhor coreografia.

Cássia Navas, Curadora do Programa de Qualificação em Artes – Dança, é paulistana, professora doutora, pesquisadora, consultora das áreas de dança e teatro, e uma das mais renomadas críticas de dança do país, com vasto número de publicações. Desde 2004 integra o corpo docente do Departamento de Artes Corporais, da Universidade Estadual de Campinas, São Paulo – UNICAMP/SP.

Eduardo Fukushima trabalha como coreógrafo, dançarino e professor formado em Comunicação das Artes do Corpo pela PUC São Paulo, criou os solos Entre Contenções em 2008, Como superar o grande cansaço? em 2010, prêmio Rumos Dança Itaú Cultural 2010, Homem Torto em 2013, prêmio Denilto Gomes de Dança em 2014. Vem circulando seus trabalhos e ministrando workshops pelo Brasil, América do Sul, Europa e Ásia.

Evandro Hegel iniciou seus estudos em dança em 2006, em 2013 se integrou ao Ritmos de Rua BASE. Coreografou o clip bonde dos pretinhos do Art Popular, Dream Team e Thaíde e conquistou premiações no Alliance Dance Competition,  BDC – Brazil Dance Camp Battle crew, Experimental Lab Performer no FIH e no eventoKOD Latin America, além de participar de alguns dos principais eventos de danças urbanas do mundo, como Juste Debout Paris e Back to the Style em Pisa – Itália.

Felipe Assunção é bailarino, coreógrafo, professor e pós-graduando em Dança e Consciência Corporal pela Estácio de Sá. Integrou o elenco do Raça Cia de Dança (2011). É professor de Jazz Dance e heels/stiletto desde 2015. Se especializou em New York em 2015 e 2017, sendo neste último ano, convidado a passar duas semanas com a Synthesis Dance Company, de Tracie Stanfield. Hoje é bailarino da Anacã Cia de Dança.

Igor Gasparini é formado em Jornalismo pela PUC-SP e em Educação Física e Saúde pela USP. Pós-graduado em Jornalismo Cultural e Mestre em Comunicação e Semiótica também pela PUC-SP. Diretor e Intérprete-Criador do T.F.Style Cia de Dança, contemplado pela 20ª e 24ª Edição do Fomento à Dança de São Paulo e pelo Edital PROAC de Circulação de Espetáculos.

Kleber Lourenço é artista da Dança e do Teatro, educador e pesquisador em Artes da cena. Doutorando em Artes pela UERJ e Mestre em Artes pela UNESP. Seu trabalho concentra-se nas linguagens da dança e do teatro em cruzamento com as culturas populares, atuando nas áreas da coreografia, encenação, interpretação e formação pedagógica. É diretor artístico do Visível Núcleo de Criação e encenador na Capulanas Cia de Arte Negra.

Lívia Seixas é intérprete criadora, diretora e coreógrafa. Cofundadora da Cia. Nova Dança 4, sob direção de Cristiane Paoli – Quito. Integrou o Núcleo Artérias sob direção de Adriana Grechi. Em 2005, formou a Beneditas Cia. de Dança, que atuava como diretora e preparadora corporal. Recebeu o Prêmio Rumos 2003 – Itaú Cultural, com o espetáculo “Um Dia”. Recebeu a Bolsista VITAE – 2000, para participar do American Dance Festival ADF 2000. Desde 1998 ministra aulas de Contato Improvisação e Improvisação Cênica.

Luciana Bortoletto é artista da dança, pesquisadora, educadora do movimento. Dirige o …AVOA! Núcleo Artístico. Possue experiência em contexto urbano, fotografia de cena e realização de projetos. Trabalhou no Programa Vocacional/SMCSP como artista- orientadora e com coordenação de equipe Dança. Contemplada pelo Programa de Fomento à Dança, PROAC/4 Dança, Prêmio Denilto Gomes/2013 e SESI Dança/ 2007.

Mariana Jorge é dançarina, professora de dança, preparadora corporal e pesquisadora das Artes Corporais. É doutoranda e mestra em Artes da Cena pela Universidade Estadual de Campinas – Unicamp, na mesma Universidade também se graduou em Dança (2012) e Pedagogia (2006). Desde 2010 integra o Grupo de Pesquisa (CNPq) Bailarino Pesquisador Intérprete (BPI) e Dança do Brasil.

Marika Gidali nasceu em Budapeste, Hungria. No Brasil, iniciou seus estudos de dança em São Paulo, com o professor Serge Murchatovsky, na escola de Carmem Brandão. Fundadora, junto com Décio Otero, do Ballet Stagium, que neste ano de 2014 comemora 43 anos de existência. Bailarina, coreógrafa, professora, diretora artística, o trabalho de Márika Gidali é considerado de vital importância para o desenvolvimento da dança e da educação no Brasil. É detentora de inúmeros prêmios por sua atuação como bailarina e educadora, destacando-se: Prêmio Cultural Blue Life, como uma das mulheres de destaque, por sua área de atuação; Medalha de Ordem do Rio Branco, por sua relevante contribuição à cultura brasileira, outorgada pelo Governo Federal; Prêmio Nacional Jorge Amado de Literatura e Arte, Edição 2005, dedicada à dança; Prêmio “Mulheres do Mercado”; Prêmio Moinho Santista-Bunge (Personalidade da Dança – pela 1ª vez concedido a uma personalidade da dança Brasileira; Ilanud-Unicef (Prêmio Sócio-Educando); Prêmio UNESCO (Mérito Artístico); Mérito Cultural – Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo; Prêmio Revista Trip Transformadores.

Rui Moreira é brasileiro, artista da Dança com quatro décadas de atuação no cenário cultural mundial. Ativista pelo direito de fruição e amplitude social da cultura das artes atuou através de processos democráticos participativos junto aos órgãos administrativos gestores: Ministério da Cultura/Funarte – Fundação Nacional das Artes e Fundação Municipal de Cultura de Belo Horizonte, sempre com foco na formulação de políticas públicas para o setor Cultural.

 

FICHA TÉCNICA

GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

João Dória | Governador

Sérgio Sá Leitão | Secretário de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo

Cláudia Pedrozo | Secretária-Adjunta de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo

 

POIESIS – ORGANIZAÇÃO SOCIAL DE CULTURA

Clovis Carvalho | Diretor Executivo

Plinio Correa | Diretor Administrativo Financeiro

Maria Izabel Casanovas | Assessora Técnica

Carla Regina | Coordenadora de Comunicação

 

OFICINAS CULTURAIS DO ESTADO DE SÃO PAULO

Thiago Saraiva | Superintendente

Kelly Cristine | Coordenadora do Programa de Qualificação em Artes – Teatro e Dança

Fernanda Oliveira | Produção e Articulação

João Murari | Analista Administrativo

 

QUALIFICAÇÃO DANÇA – EDIÇÃO 2020

Cássia Navas | Curadora

Andrea Thomioka | Técnica Artística-Pedagógica

 

Artistas Orientadores

Ana Clara Amaral, Eduardo Fukushima, Evandro Hegel, Felipe Assunção, Igor Gasparini, Kleber Lourenço, Lívia Seixas, Luciana Bortoletto, Mariana Jorge e Boogaloo Begins

 

Estagiários

Fauston Della Flora e Victor Pessoa

 

Grupos Orientados

Cia Corporarte | São Bernardo do Campo

Corpo de Baile Arte Em Movimento | Guarujá

Iluminação Fluida | Taubaté

Manxs | Rio Claro

Núcleo de Dança Giracorpo | Bauru

Ó1É Cia de Dança | Valinhos

Oficinas de Danças Urbanas de Ourinhos | Ourinhos

Sintonia Corpo & Arte | São Sebastião

Skills Núcleo de Dança | São José do Rio Preto

 

Circulação

Cia de Dança Rit’s | Tatuí

Funk-E | Campinas

Soniquete Flamenco | Campinas

 

Profissionais convidados

Paulo Caldas, Vinicius Cardoso e Eduarda Kona Zion

Voltar
Ícone Social Facebook Ícone Social Instagram Ícone Social Youtube

Apoio

Logo de apoiador Logo de apoiador Logo de apoiador Logo de apoiador

Realização

Logo de gestor

 

Logo de gestor Logo de gestor