Teatro -

JUKEBOX

Coordenação: Facundo Monasterio

As canções parecem ter o poder de re-materializar presenças. O canto e a canção, como coloca o antropólogo Claude Lévi-Strauss, podem permitir a travessia de uma geografia afetiva do corpo, articulando a experiência pessoal a uma narrativa mítica. Apostando nessa potência própria da palavra musicada, em “Jukebox”, dois bailarinos dançam ao som de canções associadas a histórias de amor, o que desperta fragmentos de experiências e mobiliza sua ficcionalização. Convoca-se o imaginário amoroso para desdobrá-lo e fazê-lo circular. Trata-se de um trabalho da dança que resulta do encontro entre um dançarino do Brasil e um da Argentina. Abordar canções, neste caso, também implica entendê-las como uma linguagem ao mesmo tempo transcultural e local.

Terça-feira

Vagas: 30

Rua Três Rios, 363, Bom Retiro, São Paulo

Ícone Social Facebook Ícone Social Instagram Ícone Social Youtube

Apoio

Logo de apoiador Logo de apoiador Logo de apoiador Logo de apoiador

Realização

Logo de gestor

 

Logo de gestor Logo de gestor